Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sardinha Pequenina

A Sardinha Pequenina tem como propósito contar histórias aliando o poder da palavra escrita à qualidade e originalidade dos produtos e serviços.

05
Mai24

O ninho da minha Mãe

A minha Mãe fez um ninho.

Preparou-o ramo a ramo.

Nele colocou ternura e amor.

E moldou-o com carinho.

 

A minha Mãe fez um ninho.

Nele eu nasci. E fiz-me pássaro livre.

Porque os galhos nunca me prenderam.

E o ninhal sempre foi trampolim.

 

A minha Mãe fez um ninho.

Aqueceu-o com sonhos.

Deu-lhe as cores da educação.

E falou-me das flores, dos arbustos e dos animais.

 

A minha Mãe fez um ninho.

Mas um dia quis que eu voasse.

Para provar a chuva. Para procurar o sol.

E para ser capaz de dar a minha cor ao céu.

 

A minha Mãe fez um ninho.

Mas no dia em que eu ousei bater asas, ela abraçou-me.

Pediu-me para ter cuidado. Para seguir atenta. Para seguir com coragem.

E, sob o seu olhar protetor, eu finalmente voei.

 

A minha Mãe fez um ninho.

Mas de lá voou para o céu.

Minha Mãe, olha para mim!

Sigo a voar aqui - perto do ninho onde tenho o meu passarinho.

E voarei sempre, como me ensinaste, até que um dia o vento me leve até ti.

 

SP. Fotografia para blogwebsite.png

Foto: Rosalie Needham

10 comentários

Comentar post